sábado, 4 de abril de 2020

Casal pega coronavírus no primeiro encontro e permanece unido em quarentena

Encontro aconteceu quatro dias antes da Organização Mundial de Saúde classificar coronavírus como pandemia mundial

Giro Icaraíma 
04/04/2020


Um casal de americanos foi infectado pelo novo coronavírus durante o primeiro encontro, na cidade de Nova York, epicentro da epidemia no país. Um amigo do rapaz, que havia encontrado os dois, também testou positivo para a doença.


O designer Nick Crawford, de 23 anos, conheceu uma jovem através de um aplicativo de relacionamentos. Ambos residiam em Nova York-EUA e decidiram marcar um encontro. O encontro aconteceu em 7 de março em um bar, quatro dias antes de a Organização Mundial de Saúde classificar a Covid-19 como pandemia mundial.

Os jovens não estavam preocupados com a pandemia, já que na época o presidente Donald Trump não tinha decretado medidas emergenciais. Nick só não tinha a menor ideia do que estava por vir. Os dois acabaram infectados pelo coronavírus.


Os sintomas começaram a aparecer e eram similares aos de uma gripe. Nick foi ao médico e um exame descartou a possibilidade de ser uma gripe. Entretanto, por haver poucos testes disponíveis, o médico se recusou a fazer o exame para a Covid-19. Além disso, o rapaz não fazia parte do grupo de risco.

O médico disse apenas para Nick ficar de quarentena pois, provavelmente, estivesse com o coronavírus. Pouco depois veio a informação de que um amigo de Nick, que estivera no bar com o casal, tinha dado positivo para o coronavírus.

pouco tempo depois, a mulher também alegou estar com a Covid-19. Após a quarentena, o casal continuou se vendo e Nick mostrou otimismo quanto ao futuro da relação.