sábado, 29 de fevereiro de 2020

Polícia Ambiental doa quase 120 Kg de peixes apreendidos para asilo de Umuarama

Giro Icaraíma
29/02/2020


Peixes nativos, como pintados, piauçus e piaparas foram apreendidos durante a semana, em Porto Camargo após denúncia de pesca predatória.


A Polícia Ambiental apreendeu em Porto Camargo quase 120 quilos de peixes nativos, como pintados, piauçus e piaparas. As espécies foram apreendidas nesta semana, quando o período de Piracema ainda estava ativo.

PUBLICIDADE

Segundo a Força Verde, a prática predatória ocorreu em uma Área de Proteção Ambiental (APA) e os envolvidos terão que arcar com cerca de R$ 6 mil em multas. 

A fiscalização abrangeu pescadores profissionais do balneário e um local que, segundo denúncia, comprava e estocava peixes apanhados irregularmente. 

A apreensão foi destinada ao lar São Vicente de Paulo, de Umuarama, que abriga idosos.

Mais crimes ambientais 
Na terça-feira (25), durante fiscalização no rio Paraná, uma equipe da Polícia Ambiental se aproximou de uma embarcação onde um ocupante arremessava peixes na água. Ao realizar uma manobra para tentar evitar a abordagem, ele colidiu contra a embarcação policial. 

No barco estavam três crianças, com idades entre 1 a 3 anos, residentes em Porto Camargo, e a equipe optou por não empreender perseguição. Após a devida identificação, os adultos responsáveis foram acusados criminalmente por desobediência, manobra perigosa e pesca em época proibida. 

Nesta sexta-feira (28) foram expedidos mandados, mas os indivíduos não foram localizados. Em uma das residências foram encontrados três rádios comunicadores e uma ave nativa engaiolada.
Fonte: